Arc Design

Busca D

Acompanhe

Rss Twitter Facebook

REVISTAREVISTA

Um compasso de ouro
10/02/2012

Ter seu produto inserido no catálogo do prêmio Compasso d'Oro, promovido pela Associação Italiana de Design Industrial (ADI), é como passar para a história do design italiano. É essa oportunidade que têm os profissionais selecionados nesse concurso trienal, o mais antigo e mais influente e, podemos dizer também, o mais exigente dos prêmios de design

Camila Marques

Acima, de cima para baixo, a nova versão do carro clásico italiano Fiat 500, design Fiat Group Automobiles; a mesa Nuur, design Simon Pengelly, de estrutura leve e marcada por detalhes

Como participante do júri na 22ª edição do concurso Compasso d'Oro, o designer e empresário Guto Indio da Costa afirma que a restrição – nas exigências e na periodicidade – nos confronta com uma seleção diferente, baseada em critérios rigorosos.

Conduzida incialmente por críticos italianos e depois pelo Observatório Permanente de Design da ADI, uma comissão mista formada por profissionais e especialistas de vários países, a seleção para o prêmio prioriza, além de questões de usabilidade, estética, forma e tipologia do produto, aspectos como o seu impacto ambiental, o uso apropriado de suas especificidades (principalmente as tecnológicas) e as potencialidades comunicativas e icônicas que possui.Com estes critérios, o grupo de produtos inscritos já se torna bastante seleto. Pode ser esse rigor um dos fatores capazes de garantir a conhecida excelência dos premiados.Esta qualidade é também confirmada na relação de designers e empresas finalistas do concurso. Nomes como Ross Lovegrove, Marco Piva, Patricia Urquiola, Konstantin Grcic e Alberto Meda estão entre os profissionais; Luceplan, Alessi, Maseratti, Fiat, Flos e Plank integram o grupo de empresas.

Outro aspecto importante na avaliação do Compasso d'Oro é seu período de duração: depois de três anos, ou mesmo de um ano de deliberações, não há produto ruim que resista!Não à toa, os ganhadores do primeiro prêmio do concurso tornam-se imediatamente exemplos do bom design italiano, e o produto, um patrimônio histórico nacional.

Ao longo dos 57 anos de existência do concurso, realizado trienalmente pela ADI, são raras as participações de profissionais e empresas brasileiras, salvo pequenas incursões. Para concorrer, é necessário que o designer seja italiano ou, no caso de um profissional de outro país, que a peça seja produzida na Itália. Seu regulamento e execução podem ser vistos – como assinalou Guto Indio da Costa em seu artigo na edição 74 de ARC DESIGN – como exemplo de qualidade Compasso d'Oro.

À esquerda, panela para macarrão, design Patrick Jouin, cujas peças são totalmente integradas. Todos premiados em categorias específicas.À direita, a cadeira Myto – também premiada – , em plástico flexível e em diversas cores, revela o resultado do uso inteligente do material, design Konstantin Grcic.

À esquerda, luminária de mesa Elica, design Brian Sironi, premiada pela estrutura harmônica e riqueza nos detalhes técnicos. Utiliza lâmpadas de LED.À direita, a premiada cadeira Steelwood, em diferentes materiais, design irmãos Bouroullec, e Teak Table, de estrutura dobrável e indicada também para uso externo, design Alberto Meda.

Acima, ao meio, os ganhadoresdo prêmio Compasso d'Oro "Carreira": Cii Boeri, Ingo Maurer e Enzo Mari, recebendo o troféu das mãos de Luisa Bocchietto, presidente nacional do ADI.

Concurso Compasso d'Oro 2011

Relação de premiados Luminária Elica: design Brian Sironi, para Martinelli Luce

Cadeira Frida: design Odoardo Fioravanti, para Pedrali

Luminária Hope: design Francisco Gomez Paz e Paolo Rizzatto, para Luceplan

Bacia decorativa Lab 03: design Ludovica e RobertoPalomba, para KOS

Cadeira Myto: design Konstantin Grcic, para Plank

Mesa Nuur: design Simon Pengelly, para Arper

Panela Pasta Pot: design Patrick Jouin, para Alain Ducasse/Alessi

Prateleira Smith: design Jonathan Olivares, para Danese

Cadeira Steelwood: design Ronan e Erwan Bouroullec, para Magis

Mesa Teak: design Alberto Mesa, para Alias

Utensílios de mesa Tonale: design David Chipperfield, para Alessi

Sofás e poltronas Yale: design Jean-Marie Massaud, para MDF Itália

Fiat 500: criação e produção Fiat Group Automobiles

Pesquisa de Mapas DRM: projeto do departamento INDACO, da Politécnica de Milão, para a rede Sistema Design Itália (SDI), a Conferência de Design da Faculdade Deans (CPD) e o Comitê de Coordenação do Doutorado em Design (CDD)

Campanha Multiverso Icograda DW: criação Zup Associati, para Associação Italiana de Design de Comunicação Visual (AIAP) e Conselho Internacional de Associações de Design Gráfico (ICOGRADA)

Campanha Festival de Teatro de Napoli: criação Leonardo Sonnoli e Paolo Tassinari

Mostra Rossa, Imagem e Comunicação do Trabalho 1848-2006: criação N! 03, Stefano Vella e Louis Martin (curadores) para a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário (CGIL)

Sunset Casa Móvel: projeto do grupo Hangar, para Movit

Campanha Domo – XIX Bienal de Artesanato de Sardenha: criação Italo Antico, Alessandro Artizzu, Lee Babel, Berselli Cassina Associati, Andrea Bruno, Vittorio Bruno, Maria Calderara, Annalisa Cocco, Antonello Cuccu, Adriana Delogu, Lia Di Gregório, Angelo Figus, Giuseppe Flore, Antonio Fogarizzu, Valentina Follo, Giulio Iacchetti, Nilla Idili, James Irvine, Setsu e Shinobu Ito, Ugo La Pietra, Marta Laudani e Marco Romanelli, Paolo Marras, Tomoko Mizu, Roberta Morittu, Palomba Serafini Associati, Eugenia Pinna, Gianfranco Pintus, Pierluigiu Piu, Florence Quellien, Salvatorie e Marie, Alessio Tasca, Paolo Ulian e Nanda Vigo, para Ilisso.

 

voltar
Twitter Facebook

TambémTAMBÉM

NESTA EDIÇÃO

ARC DESIGN Edição 75

Seis mil mudas de Sausevieria trifasciata!

Design: Presente e Futuro

Casa Brasil: Um reflexo de bons trabalhos

Belos e Benditos

Espaço de realidades e inspirações

Oportunidade para todos

Design Concreto

Ela é Carioca

Dcore - Ousadias em Brasília

Design Italiano para a sustentabilidade

Centenário de Kaj Frank

A cidade: semana D em Curitiba

Celeiro de novos aprendizados

Nada mais entre quatro paredes

Projeções para um país do futuro

Para falar de Berlim

Desenho de fibra

Ásia diário de bordo

CADASTRE-SE

Receba nossos informativos